…não altera o passarinho.

A ordem das árvores…
Duas viagens. Muitas coisas, muitas pessoas. Novas aprendizagens, novas práticas. 
Agora é que comecei a digerir tudo o que aconteceu entre Sampa, Recife e Garanhuns no último mês. 
Depois da oficina no I Encontro Internacional de Origami em SP, nunca mais minhas oficinas serão as mesmas. Tem que ter música! O clima de atelier está completo depois da passagem de César Ferro e suas ideias pela minha vida! 
Antes da minha aula, estávamos dobrando o beija-flor de Aldo Marcell. Tulipa Ruiz não saía da minha cabeça: “Beija-flor é casa de ipê”!!! 
E foi assim que começou a minha oficina: dançante e cantante! 
Anúncios

Uma resposta para “…não altera o passarinho.

  1. Putz que bom que pude contribuir de alguma forma para sua oficina! Eu adorei sua ide'ia da Oficina. E para quem ler e nunca foi a uma oficina da Eva , procure uma maneira de ir , vale super a pena…. FICA A DIKA! Beijos pra vc, Eva !

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s